sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

só no final sabemos do primeiro amor


onde começa o arco-íris e todas as coisas mágicas que acontecem no teu corpo?

a memória é o futuro a mostrar-nos o caminho, sabes?

e ficamos diferentes à medida que o percorremos e nos vamos encontrando com o tempo: o primeiro dia só têm significado porque estamos aqui, aqui onde tu és o Verão dos meus dias a canção que ilumina a última estrela, a palavra plena

desejo-te em todas as coisas. e quero-te. desejo-te e quero-te e não tenho carne nem sangue nem boca que não planeiem amar-te a cada segundo. e amo-te em todos os lugares do mundo que o meu coração está onde tu estás e não há distância que nos possa separar

e ainda que às vezes a banheira de pétalas tenha que esperar as manhãs de sol a nascer na nossa cama tenham que esperar os poemas e os livros e os risos tenham que esperar não haverá distância que nos possa separar, não haverá mar que possa apagar da minha pele o teu beijo de terra quente de flor nascida da erupção de um vulcão

e vou sonhar-te sempre até nos instantes mais breves e vou inventar dias de chuva apenas para que possamos dançar 

que não haverá mar  que possa apagar o teu primeiro toque o teu primeiro beijo o teu primeiro sussurro de unhas na minha pele e não haverá mar que me impeça de imaginar-te nua, de te ver nua como naquela noite em que fizemos do chão a nossa cama e  te vi nua e pensei: a minha vida acabou de começar: a minha vida pode acabar: a minha vida já não é minha

apaixonei-me por ti em certas escadas de luar  e hoje as tuas mãos seguram o meu coração

tu és o meu calendário o meu primeiro verso o mais puro a minha cidade e eu ardo constantemente de saudades tuas

e, prometo-te, em Paris Barcelona Veneza ver-se-á o pôr-do-sol da nossa cama

a vida inteira a esperar por ti

só no final sabemos do primeiro amor 


2 comentários:

  1. "e vou sonhar-te sempre até nos instantes mais breves e vou inventar dias de chuva apenas para que possamos dançar" mil ♥, como sempre.

    ResponderExcluir
  2. Grazie!Mas a tua (que está pra chegar)...

    ResponderExcluir